Buscar
  • Alexandre Barbosa

Pandemia e Resiliência


Você quer superar a crise e melhorar a performance da sua organização?


Vários estudos apontam que a resiliência é fator determinante para que você atinja esse objetivo. Veja um trecho do estudo publicado pela McKinsey, há pouco dias atrás:

“Empresas com modelos de negócios resilientes e prontas para o futuro...se afastaram ainda mais de seus pares do setor, enquanto aqueles com modelos tradicionais de negócios ficaram, na maioria das vezes, para trás.” – The Great Acceleration – 14/07/2020 - McKinsey


Claramente, a direção comum em tudo que tenho vivido, lido e escutado, aponta para a necessidade de concentrar esforços no desenvolvimento da resiliência das organizações e dos indivíduos. O desafio é a urgência e a mudança da tendência de só preocupar-se com a eficiência organizacional. (Você pode saber mais ouvindo o podcast com Antônio Salvador e Daniel Castello na Gente Digital - https://www.startse.com).


“O objetivo de uma cultura de alto desempenho é maximizar a adaptabilidade. • As organizações adaptativas exigem indivíduos adaptáveis - pessoas com altos níveis de criatividade, resolução de problemas, persistência e cidadania.” - Doshi, Neel Doshi & Linsay McGregor - Primed to Perform


Mas como aumentar a resiliência, a capacidade de adaptar-se?


Fazendo um paralelo do modelo definido por Robertson Cooper sobre os principais aspectos da personalidade que são importantes na determinação da resiliência, você pode desenvolver resiliência na sua organização, investindo nos seguintes pontos:


Confiança: Desenvolva um ambiente de confiança, primeiro a partir de você mesmo! Declare sua intenção, seja íntegro, demonstre suas competências e atinja os resultados. Trate cada membro da sua organização sob o paradigma da pessoa completa, facilitando o desenvolvimento nas quatro dimensões: mental, física, emocional e espiritual.


Adaptabilidade: Incentive e suporte a flexibilidade e adaptação às situações de mudança. Valorize a performance adaptativa – a habilidade de divergir do plano.


Propósito: Ter um claro senso de propósito, valores claros, direcionamento e direção ajuda as pessoas a persistirem e alcançarem resultados, diante dos contratempos. Recentemente, publiquei um artigo que descreve as características de um propósito: AUICA – Autêntico, Único, Inspirador, Compartilhado e Alcançável.


Suporte social: Promova um ambiente onde as pessoas se sintam capazes de construir bons relacionamentos e obter apoio para ajuda-las a superar as adversidades.

1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

A Arte de Liderança dos Comandos Anfíbios

Em breve, vou lançar o livro A Arte de Liderança dos Comandos Anfíbios - Os 7 Princípios da Tropa de Operações da Marinha para Equipes de Alta Performance. Você quer ter uma equipe de alta performance